09/02/2014

Marinha vai comprar dois porta-aviões para os novos caças


 Com a confirmação da compra dos 36 caças Gripen, chegou a vez de a Marinha cobrar do governo a realização do Programa de Obtenção de Navios-Aeródromos, engavetado no Planalto.

O plano prevê a encomenda de dois porta-aviões a estaleiros estrangeiros, com construção em parceria com a Força.

Os caças Gripen serão adaptados para pousar nos porta-aviões, conta fonte da FAB. Os porta-aviões, segundo a própria Marinha, serão fundamentais para proteger a costa brasileira na ‘faixa que vai de Santos a Vitória, onde se localizam os principais campos produtores de petróleo’, e a foz do rio Amazonas.

Atualmente, o Brasil conta apenas com o porta-aviões São Paulo, ancorado na base naval do Rio, comprado da França em 2000, com mais de 50 anos de uso.

Mas a ‘idade’ do porta-aviões São Paulo está pesando. Há poucos dias houve dois incidentes com o navio, quando saiu para exercícios na Baía da Guanabara, no Rio. Derramou óleo no mar e provocou vazamento de vapor que atingiu três oficiais.

A Marinha ratifica para o governo a importância da armada: ‘Em caso de crise ou de conflito armado, é dever da MB impedir a aproximação de uma força naval adversária’



Fonte: UOL

5 comentários:

  1. Navios-aeródromos são armas de ataque. Não se justifica um gasto desta monta para proteção costeira e defesa de plataformas petrolíferas, para isso utiliza-se navios patrulha oceânicos. Quanto a "adaptar" os caças Gripen para operarem em NA isso é declaração de quem não tem a menor noção do que está dizendo. É verdade que a FAB já operou aeronaves no NaeL MInas Gerais mas isso foi em outras épocas, hj a MB possui sua própria aviação de combate e inclusive a SAAB já possui um projeto do Gripen Naval.

    ResponderExcluir
  2. o brasil ja ta na hora de ter uma marinha capais de proteger nossa costa na minha visao deveria ser 3 porta avioes, os americanos ate pouco tempo tinhao 12. se ja como for 1 2 ou 3. no continente ninguem tem o brasil tera destaque entre os visinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aprenda a escrever primeiro.

      Excluir