01/03/12

Ministério da Defesa da Rússia compra mais 92 caças-bombardeiros Su-34



O Ministério da Defesa da Rússia assinou um contrato com a fabricante de caças Sukhoi para o fornecimento de 92 caças-bombardeiros do tipo Su-34 Fullback, assim informou o Ministério da Defesa.

O acordo que prevê que os caças sejam entregues até 2020, foi assinado pelo ministro da Defesa da Rússia Anatoly Serdyukov, e o diretor-geral da Sukhoi  Igor Ozar.

Esse contrato em específico é um dos maiores contratos de aquisição de aeronaves de combate assinados em marco do programa de aquisições governamentais e irá ajudar a substituir a frota de caças-bombardeiros Su-24 “Fencer”.


A Força Aérea Rússia iria receber 10 caças Su-34 no ano de 2012 e todos eles serão implantados no Distrito Militar Ocidental. No ano de 2011, 6 caças Su-34 foram entregues à Força Aérea Russa. Esses estão sob um contrato inicial de fornecimento de 32 caças Su-34. Se não houvera nenhum erro de tradução do russo para o inglês, logos podemos concluir que até 2012 a Rússia terá no mínimo 124 caças Su-34.

Até o presentemente momento a VVS tem a disposição 12 Su-34.

O Ministério da Defesa anteriormente afirmou que até 2015 a VVS terá a sua disposição 70 caças Su-34.

A Rússia começou a fabricação do Su-34 em série em 2008 em uma fábrica baseada em Novosibirsk, uma subsidiária da Sukhoi Aircraft Holding.

Projetado pela Sukhoi, o caça-bombardeiro Su-34 custa cerca de US$ 36 milhões, é biposto e está dotado com motores de pós-combustão AL-31MF.

O Su-34 foi projetado para oferecer um ataque extremamente cirúrgico a alvos fortemente defendidos sob quaisquer condições atmosféricas, de dia ou de noite. O Su-34 pode ser armado com uma vasta gama de armas: tem um canhão de 30mm GSh-301, até 12 mísseis Vympel R-27 (AA-10 Alamo) ou Vympel R-73 (AA-11 Archer), entre outras bombas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário